terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Pain demands to be felt

Pain demands to be felt.
Um dia perguntaram-me porque é que todas as minhas canções foram criadas quando estava magoada. Eu respondi que não sabia mas que provavelmente seria porque podia usar toda a minha dor, tudo o que me magoava e transformá-lo em algo bonito. E sim. Muito provavelmente essa é em grande parte a razão pela qual crio seja o que for quando me dói cá dentro. Porque a dor exige ser sentida. E eu exijo senti-la. Aliás, eu preciso senti-la. Preciso exteriorizá-la intensamente e com todas as minhas forças. Eu não romantizo a violência nem a dor (já me basta romantizar a minha vida), mas procuro fazer dela alguma forma de beleza que me acalme a alma. Prefiro resolver-me assim. Associar uma peça de mim mais... bela... A cada parte do quebra-cabeças que é a minha vida.

0 comentários:

Enviar um comentário

Acerca de mim

A minha foto
Música. Família. Amor. Amizade. Escrita. A procura por mim mesma. Vida. E é a isto que se resume. Sintam-se à vontade por aqui & enjoy. :)

AUTÊNTICO

AUTÊNTICO
"To avoid criticism say nothing, do nothing, be nothing" ;-)

Em destaque

Meu amor!

Deixa que o poder dos sentimentos opere em ti. Desliga-te de qualquer teoria e pré-concepção. Deixa a descoberto as tuas defesas. Sê como o...

Followers

Visitas

AUTÊNTICO (C) Verónica Silva. Com tecnologia do Blogger.